Todos os posts de CELEBRANTE NELSON LIMA

Tenho 43 anos. Formado como Celebrante de Casamento pela HV7 Cerimonial de São Paulo/SP. Tenho formação superior em Pedagogia pela UNIR - Universidade Federal de Rondônia. Tenho experiência de 27 anos em rádio, tv e como Mestre de Cerimônias. Casado há 22 anos, pai de um filho de 21 anos.

Como ter um casamento perfeito com um orçamento pequeno

“É possível casar sem gastar muito? Sim. Mas é fundamental saber como usar o dinheiro. Se você quer casar, mas está com um orçamento apertado, veja algumas ideias.”

t30_13_111356

Para que vocês consigam realizar uma festa bonita sem gastar muito, é preciso dedicação. Todos os detalhes são importantes, por isso verificar e anotar todos os gastos é o primeiro passo para que sua festa seja um sucesso sem gastar milhões.

Listinha
organizar-lista-tareas-block-notas

A primeira coisa que vocês devem fazer é uma lista. Anotem tudo que vocês precisam para realizar o casamento. Não esqueça de nada, escreva desde o vestido até o detalhes decorativos, bebidas e convites. Tudo que conseguirem lembrar.

Depois, analise item por item e dê uma nota de 0 a 5. Faça essa divisão da seguinte forma: os mais próximos da nota 5 são os itens difíceis de economizar e os itens próximos a nota zero são aqueles que podem ser descartados ou repensados.

Observe quais itens vocês podem encontrar alternativas e quais são impossíveis de economizar. Dessa forma, as coisas ficam mais esclarecidas e vocês conseguem visualizar mais ou menos como será o orçamento. O ideal é que essa lista tenha tudo que é preciso para que um casamento aconteça.

D.I.Y
t30_13_171839

Essa lista vai clarear os seus pensamentos. Vocês podem fazer em casa vários detalhes, realizar juntos os convites, os arranjos ou até mesmo os docinhos. Seu noivo gosta de cozinhar? Você adora mexer com flores? Descubram juntos o talento do casal e mãos à obra.

Lembrem-se: escolha itens fáceis e simples, deixe as funções elaboradas para os profissionais, já que tomará muito tempo e muitas vezes não conseguimos os mesmos resultados que eles.

Menos é mais
t30_13_181307

Essa frase deveria ser lembrada sempre. Menos é mais. Quanto mais exagerado, mais chances de ficar cafona e extravagante. Por isso, pensem em um cerimônia mais intimista, mais simples e particular.

Pense nos convidados com carinho, escolha um local que caiba no seu orçamento e chame aquelas pessoas que são realmente importantes para o casal. Com certeza, é difícil essa seleção, mas se bem pensada vocês podem conseguir enxugar o orçamento apenas com a lista de convidados.

Durma ao lado do orçamento
presupusto-calculadora-gastos

Conhecer aquilo que tem é o mínimo. O casal precisa saber todo o dinheiro que entra e que sai, anotar os gastos para que tenham controle. Se o dinheiro for bem administrado, é muito mais fácil poupar. Dessa maneira, tudo que vocês gastarem será planejado e ficará mais ou menos dentro do orçamento.

Não esqueçam de pesquisar preço
wedding-planner

Organizar um casamento não é uma tarefa fácil. Se vocês já sabem disso, podem começar a organizá-lo começando com as pesquisas de preço. É realmente assustador a diferença de preço de um fornecedor para outro. Mas vocês só vão descobrir isso pesquisando.

Tenham tempo, paciência e calma. Mesmo que às vezes vocês percam a cabeça, respirem e relaxem. Tudo vai dar certo! Dica: ao pedir orçamentos, seja específica e diga exatamente o que quer.

Pensem juntos
t30_13_171238

A atenção e dedicação será exclusiva do casal, ninguém como vocês quer que essa festa seja perfeita. Por isso, a conversa do casal em todos os desafios, preparativos e dificuldades é o que faz com que a festa seja um sucesso.

Por

Fonte: www.casamentos.com.br

7 razões para se casar

Existem pessoas apaixonadas, mas com incertezas na hora de tomar o próximo passo e oficializar de uma vez essa união. Por isso, hoje te damos 7 razões para não adiar mais o seu casamento!

12_13_136174_v1

O coração toma atitudes que a razão não entende e, como a maioria sabe, o amor é um grande mistério. Quando um relacionamento chega à um ponto de maturidade, surge uma dúvida, será esse o momento ideal para tomar esse próximo passo e trocar alianças? Se essa é a sua dúvida, hoje ela será respondida, veja os 7 motivos para se casar e dizer ao universo: Sim, estamos juntos e acreditamos que para sempre!

1. Formalizar um compromisso

Tem melhor maneira do que construir uma vida do que junto com alguém que você ama? Formalizar essa união fará vocês se tornarem mais companheiros e estarem juntos, batalhando pelo mesmo final, o final feliz de uma vida a dois!

2. Aumenta o amor, mas diminui despesas

Cada um ter seu cantinho pode ser bom, mas tem preço. Ao se unirem irão economizar, reduzindo o custo de duas casas e todos os gastos que elas acarretam.

ensaiojulianeejean-70_13_140051

3. Ver o rosto de quem você ama todas as manhãs

Se acordar cedo não é o seu forte, facilitará ter uma cara conhecida que você tanto ama nessa hora. Mas se sim, for o seu forte, tornará o momento mais especial ainda.

4. Porque o mundo é melhor quando vocês estão juntos

É como o ditado diz “A felicidade só é verdadeira quando compartilhada”. Você terá ao seu lado o melhor amigo para dividir não só as alegrias, como as dificuldades. Com a força de dois vocês irão encontrar as soluções para os problemas mais difíceis e duplicar as maiores felicidades!

ensaio-95_13_124866

5. Melhora a saúde e seu cuidado pessoal

Já que você terá seu eterno namorado ao lado, todo o dia se cuidará mais e aumentará a vontade de estar bonita. Foi comprovado que, viver em casal e com projeto de vida em comum, melhora hábitos de saúde e bem estar.

6. Porque terá um aliado para alcançar sonhos e objetivos

Se vocês estão em relacionamento maduro, pensando em casamento, é porque possuem, além de muitas outras coisas em comum, compatibilidade de sonhos e objetivos. Essa união oficial juntará forças para alcançarem o que desejam.

7. Porque envelhecer juntos será o melhor presente

Não tem coisa melhor do que sentir que em toda sua vida você teve um parceiro que segurou sua mão, te ensinou a melhorar como ser humano e caminhou sempre ao seu lado.

2m3a8189_13_108585

FONTE: Artigo retirado do site http://www.casamentos.com.br

Cerimonialista, assessor e organizador: qual a diferença?

Por  | 18 de novembro de 2016

Cerimonialista e assessor são a mesma coisa? E o produtor ou organizador de eventos, há diferença entre eles? Chega de informações desencontradas!

Vocês perguntam, a gente responde. Afinal, a dúvida é muito bem fundamentada e envolve fatores como regionalidades e diferenciais de serviços, gerando debate inclusive entre profissionais do mercado. A polêmica é tanta que neste ano a Associação Brasileira de Eventos Sociais (Abrafesta) revisou seu Manual de Boas Práticas, originalmente publicado em 2012, passando a recomendar o uso do termo organizador de eventos.

A decisão vale para todos os profissionais responsáveis por produzir e organizar um evento, seja ele de cunho social (como os casamentos), corporativo, esportivo ou até mesmo governamental. “Acreditamos que ao padronizar essa terminologia, sugerindo uma única nomenclatura, geramos mais força, união e reconhecimento ao setor”, explicou Vera Simão, fundadora e presidente da entidade.

A Abrafesta alerta que a profissão não tem regulamentações específicas, como um curso universitário totalmente dedicado a ela. Por outro lado, graduações como hotelaria, turismo, marketing, publicidade e propaganda, relações públicas e gestão – além dos cursos técnicos de eventos ou outros programas de extensão e pós-graduação – oferecem muitas informações pertinentes à área.
cerimonialista-organizador-de-eventos-foto-divulgacao

CARACTERÍSTICAS FUNDAMENTAIS A UM ORGANIZADOR DE EVENTOS

  • Habilidades multifuncionais
  • Facilidade de liderança
  • Praticidade para organização
  • Conhecimento sobre fornecedores da área de eventos
  • Técnicas para apresentação
  • Gerenciamento de planilhas de custos

♣ Você sabia? Pensando na necessidade de profissionalizar o setor de casamentos cada vez mais, a IC criou a Academia Inesquecível. Com timing mais do que acertado, o próximo curso será oferecido por Roberto Cohen, organizador de eventos que é referência em todo o Brasil. Anote na agenda: 9 de dezembro, das 8h às 18h, no Sheraton Grand Rio Hotel & Resort.

cerimonialista-roberto-cohen-foto-laura-campanella

MAS AFINAL, O QUE QUER DIZER CADA TERMO?

♣ Organizador de eventos: ele toma as rédeas da produção desde o primeiro dia. Suas atividades passam, dentre outras etapas, pelo briefing, administração financeira, contratação de fornecedores (incluindo reuniões de alinhamento com os contratados), visita técnica dos mesmos ao local do evento, organização da lista de convidados junto com o cliente, rsvp e elaboração de um cronograma para a ocasião – além de acompanhar a montagem e desmontagem do evento.

No caso de cerimônias religiosas, a Abrafesta também define como responsabilidade do organizador de eventos orientar seus clientes “quanto à documentação necessária e a data para entrega dos documentos ao cartório e à igreja”. E, claro, é seu papel analisar a conjuntura de cada celebração e sugerir a contratação de serviços extras, como seguros, e pagamento de taxas, a exemplo do ECAD.

cerimonialista-flavia-cavaliere-foto-divulgacao

♣ Assessor de eventos: nas palavras de Vera, essa é uma das nomenclaturas utilizadas para designar o organizador de eventos, mas “pode se confundir com um profissional que faz menos, que trabalha num período mais curto ou que assume de forma parcial a organização de um evento em data mais próxima à sua realização”.

♣ Produtor de eventos: nomenclatura muito frequente em estados como Paraná e Santa Catarina, é bem semelhante ao assessor ou organizador de eventos. “A meu ver organizador e produtor são sinônimos, sendo que nos dias de hoje este termo é mais utilizado para designar o profissional ou empresa que trabalha com eventos culturais, de moda e audiovisuais”, opina Vera.

cerimonialista-thiago-hadi-foto-fernando-buzetti

♣ Cerimonialista: atualmente, um projeto de regulamentação da profissão de cerimonialista está tramitando no Congresso Nacional (Projeto de Lei 5225/2009) e contempla todas as exigências pertinentes ao exercício dessa função. Segundo Vera, o texto não trata o cerimonialista como organizador de evento, mas em alguns estados brasileiros o termo ainda é usado para se referir a quem presta esse tipo de serviços.

Independentemente da nomenclatura, você com frequência provavelmente já ouviu falar dos serviços de cerimonial do dia. É importante saber que, nestes casos, os profissionais não estarão a par de todas as etapas dos preparativos, apenas de algumas delas. “Para que não aconteçam falhas, é primordial que ele deixe claro, em sua proposta de trabalho, o período e a forma que vai atuar”, afirma Vera.

Durante o primeiro curso da Academia Inesquecível, o organizador de eventos Ricardo Stambowsky contou que realiza esse tipo de serviço, mas prefere cuidar do evento desde o início. Assim, ele fica a par de tudo o que está acontecendo e pode se responsabilizar pelo bom andamento do grande dia. Quando faz as vezes de “cerimonialista do dia”, não abre mão de uma reunião prévia com os clientes para saber quais fornecedores foram contratados e outros detalhes fundamentais.

cerimonialista-ricardo-stambowski-foto-aszmann

E aí, entendeu a diferença entre cerimonialista, produtor, assessor e organizador de eventos? Mas antes de fechar um contrato com o seu organizador de eventos, leia essas 5 dicas!

Crédito

1- Marcia Charnizon  |  2 e 4- Divulgação  |  3- Laura Campanella  |  5- Fernando Buzetti  |  6- Aszmann

FONTE: http://www.inesquecivelcasamento.com.br/dicas-e-inspiracoes/diversos/cerimonialista-assessor-e-organizador-qual-a-diferenca/